Centro Cultural de Exposições e Eventos
PARATY | RJ | BRASIL
CO-AUTOR: MIGUEL MURALHA
5.600 M² 
2014


POR   Proposta premiada do concurso para o novo Centro de Convenções e Exposições de Paraty, Rio de Janeiro. O projeto foi concebido de forma a valorizar o espaço público e as relações de seus ocupantes com as atividades programáticas. Um monolito puro recebe dobras que revelam seu interior através de uma grande praça central aberta que articula todo o programa. Essa área da praça retoma a idéia da “soleira” de Hertzberger, onde o público se integra ao privado formando um único e amplo espaço, no qual a entrada é contínua trazendo um local de encontros e despedidas, circulação e estar, através da arquitetura.

O projeto traz para a região, uma possibilidade de vida pública e coletiva e em alguns casos de forma comunitária, fazendo com que através do projeto seja possível a criação desses espaços, assim o projeto arquitetônico existe como facilitador para a presença do espaço comunitário.

ENG   Proposta premiada do concurso para o novo Centro de Convenções e Exposições de Paraty, Rio de Janeiro. O projeto foi concebido de forma a valorizar o espaço público e as relações de seus ocupantes com as atividades programáticas. Um monolito puro recebe dobras que revelam seu interior através de uma grande praça central aberta que articula todo o programa. Essa área da praça retoma a idéia da “soleira” de Hertzberger, onde o público se integra ao privado formando um único e amplo espaço, no qual a entrada é contínua trazendo um local de encontros e despedidas, circulação e estar, através da arquitetura.

O projeto traz para a região, uma possibilidade de vida pública e coletiva e em alguns casos de forma comunitária, fazendo com que através do projeto seja possível a criação desses espaços, assim o projeto arquitetônico existe como facilitador para a presença do espaço comunitário.
Back to Top